Theo - J. Marquesi



Uma família separada pelo ódio...
Criado pelo avô, renegado pelo pai, odiado pelos irmãos, Theodoros Karamanlis recebeu o cargo de CEO da empresa da família. Sua principal meta é provar a todos que é mais competente do que o homem que sempre o renegou, seu pai. Para isso acontecer, falta apenas comprar o imóvel onde funciona um pequeno pub na Vila Madalena e assim fechar uma conta aberta há mais de dez anos.
Uma família mantida pelas lembranças...
Maria Eduarda Hill sempre teve o sonho de ser uma renomada chef de cozinha, mas, por circunstâncias do destino, acabou assumindo o antigo bote-co de seu pai na Vila Madalena. Ela trabalha duro para manter o negócio e preservar a memória de sua família e luta bravamente contra o assédio de uma empresa que quer comprar e demolir o lugar.
Uma noite, um bar, e uma química explosiva...
Depois de cair em uma armadilha e conhecer a irritante cozinheira que o impede de fechar o maior negócio de sua empresa, Theo se vê dividido entre essa forte atração, conquistar o que seu pai não foi capaz e uma promessa feita ao avô. Por mais que resista, o grego não consegue ficar longe de Maria Eduarda, então começa uma implacável sedução para tê-la em sua cama.
Theo e Duda têm tudo para se odiarem. No entanto, mal sabem eles que a paixão não se conduz pelo óbvio!

Se tem leitora que gosta de sofrer nesse meio literário eu sou uma delas, porque eu não posso ver um livro que vai acabar com meu psicológico que já corro pra ler. De uma vasta experiência com os livros dessa autora eu já deveria estar prepara, mas eu não estava.

J. Marquersi vem com uma nova série, com muito mais emoção, drama, momentos que aquecem o coração do leitor e mais cenas hots. O primeiro livro da série Os Karamanlis é THEO e agora vou falar um pouquinho sobre ele.

O homem é sexy demais, insuportavelmente arrogante, mas ainda assim, muito sexy!

Focado em dois núcleos, Theo é um daqueles livros em que o o gato do protagonista CEO, que traz algumas magoas do passado,  bate de frente com a mocinha, mega batalhadora, clichê não é mesmo?!  Não nesse caso!

Desde o começo sabemos que o grego Theodoros Gerórgios Karamanlis vem de uma família nada ortodoxa e que está correndo contra o tempo para cumprir uma promessa feita ao progenitor dos Karamanlis.

Do outro lado temos a Maria Eduarda Braga Hill, uma talentosa chef de cozinha que reformulou seus sonhos para ficar ao lado da família e que hoje luta para manter o legado deixado por eles.

Diferente do que vemos em muitos romances adultos, o casal não vivem aquela relação gato e rato, pelo contrário. Eles deixam claro o quanto se desejam, ainda que os negócios seja uma barreira entre eles, afinal, é a empresa de Theo quem está fazendo marcação serrada sobre Duda para comprar o seu maior bem, o pub Hill.

[...] Em relação ao desejo, ou ele acontece ou simplesmente não existe. Tesão não éigual amizade, que se constrói com o tempo, ele é imediato!

Gosto de ver o quanto a escrita da autora amadureceu desde o seu primeiro livro, como evoluiu sua criação de enredo e a construção dos personagens, que hoje se estendem a um amplo elenco, onde todos tem a vida pincelada, não são apenas nomes que aparecem na trama, são pessoas que conquistam o leitor, do motorista ao Diretor, do bartender a chef de cozinha, todos tem seu momento significativo dentro da história e eu adoro isso.

Ainda que focado no ponto de vista de Theo o livro traz a dinâmica dos capítulos intercalados com a visão de Duda e gradativamente vamos conhecendo a vida desses dois personagens, inclusive seus fantasmas do passado.

Não dá para julgas a motivação de alguém sem conhecer sua história.

Confesso que alguns segredos passaram pela minha cabeça, mas quando começaram a ser revelados eu percebi que só imaginei a ponta do iceberg, o negócio na vida de ambos era bem mais em baixo e é isso que me faz amar os livros da J. Marquesi. Ela é genial em suas tramas, nada passa batido, tudo se encaixa e surpreende.

Tantas mentiras criadas, tantas verdades que eu gostaria de esquecer. E agora ele volta com tudo e da pior maneira possível. 


Na história de Theo coube tudo e mais um pouco e assuntos importantes foram abordados com precisão e maestria, evitando assim um romance dramático. Não vou entrar em detalhes com esses assuntos para não dar spoiler, pois a maioria está diretamente ligada ao desenrolar da trama., mas já te adianto que lágrimas podem rolar.

Um romance tocante, personagens críveis, cenas bem descritas e temas relevantes. É exatamente isso que você vai encontrar nesse livro. Uma história incrível, em que você ama o Ceo logo de cara e esse amor só aumenta quando ele está ao lado da mocinha. Então se você procura um romance de tirar fôlego, lágrimas e sorrisos, THEO é uma excelente sugestão.


Agora que você já conhece o primeiro livro da série eu chamo a atenção para o segundo, que aos pouquinhos está sendo postado no whattpad e já te adianto: Kostas promete tirar qualquer leitor do sério.

Eu não poderia terminar essa resenha sem falar da trilha sonora desse livro. Ela é LINDA, é impossível você não se contagiar e se emocionar com as canções escolhidas para embalar o romance entre Theo e Duda.









   
                       

Para finalizar deixo o book trailer do livro pra vocês.


10 comentários:

  1. Oi Camila, adoro livros que destroem o meu psicológico, haha. Gostei que vai direto ao ponto, sem aquela enrolação do casal se querer e se evitar. Segredos também são algo que me atrai nas leituras, achei um pouco grande em quantia de páginas, mas se a leitura é boa, nem sentimos. Não conhecia o livro ou a autora, mas agradeço a dica.
    Bjos
    Vivi
    Blog Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem Camila?

    Esse livro é uma novidade para mim (Yvens), tenho quase certeza que é o meu primeiro contato com a obra. Parece ser uma boa leitura, gostei de saber que é um romance que emociona e também que apresenta personagens que cativam, isso é extremamente importante para a leitura fluir bem. O que me desanima é ser parte de uma série, no momento não estou com animação para encarar séries. Parabéns pela dica!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Oi Camila!
    Já li alguns livros da Ju, e estou lendo o do Theo kkk exatamente esse!
    As obras sa Ju são sempre bem trabalhadas e com muitas surpresas, estou no começo da leitura mas lendo sua resenha já tenho uma expectativa. Parabéns pela resenha, bjs!

    ResponderExcluir
  4. legal que vc curtiu muito a obra... eu particularmente nao gosto do gênero, e essa questao de intercalar os pontos de vista narrativos com os personagens protagonistas tbm já anda me saturando de uns tempos pra cá...
    enfim, não sou o público-alvo da publicação...
    bjs...

    ResponderExcluir
  5. Olha, tamo junto nessa sofrência literária, adoro um livro que me faça sofrer kkkkk Eu ainda não conhecia esse e adorei a premissa, pelos seus comentários é um livro que vai me agradar bastante, me emocionar e me deixar chorando rios. Espero poder ler em breve.

    ResponderExcluir
  6. Oi Camila!

    Eu brinco com as minhas amigas falando que sou um pouco masoquista quando se trata dos livros, pois amo livros que destroçam os nossos corações hahaha

    Não conhecia esse livro, mas só pela sua resenha me interessei! Não me importo com o que dizem em relação aos CEO's, amo esse tipo de livro.

    Não conhecia a autora, mas anotei sua dica!

    beijos

    ResponderExcluir
  7. eu também sou assim, se o livro vai me detonar, acabar comigo, me deixar no chão, estou lá na fila para ler, gosto de leituras densas e bem estruturadas que me tirem da zona de conforto. Se um dia tiver oportunidade, lerei Theo. Espero gostar tanto quanto você, enquanto isso, vou curtir a trilha sonora.

    ResponderExcluir
  8. Eu também sou dessas leitoras que amo sofrer com o enredo hahaha. Gostei bastante da sua resenha e apesar de apresentar uma trama bem legal, o livro hot não me desperta o interesse :(

    Beijos,
    Blog PS Amo Leitura

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem? Confesso que apesar de amar romances nesse estilo, estou fugindo um pouco de desenvolvimentos que envolvem CEO, justamente por estar cansada (ou de ressaca hehe). Posso ver pela sua resenha que é uma ótima história, e quem sabe eu dê uma chance futura. Também sou leitora sofredora, por isso estamos juntas haha
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Nossa gostei do fato deles ser um casal que demonstra o quanto se quer. Isso é um diferencial haha. Mas adorei isso na premissa e confesso que foi o que mais me chamou atenção, além de saber que a autora amadureceu muito na sua escrita e forma de desenvolver os personagens! Adorei

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem vindo!
Comente, opine, se expresse! Este espaço é seu.