A História de Deus.

2017 ǁ 9 episódios ǁ 50 min ǁ Documentário ǁ 12 anos

A História de Deus" é a exploração épica de Morgan Freeman e uma reflexão íntima sobre Deus. Cada episódio centrar-se-á numa grande questão sobre o divino: desde o mistério da Criação, ao verdadeiro poder dos milagres até à promessa da ressurreição. Estes mistérios universais têm impacto em toda a gente de todas as fés. Morgan mergulhará nas experiências religiosas e rituais de todo o mundo, do Muro das Lamentações em Jerusalém até à Árvore Bodhi na Índia até às mega igrejas dos Estados Unidos. Ele tornar-se-á numa cobaia em laboratórios científicos para examinar com é que as fronteiras da neurociência e cosmologia estão a intersectar o domínio tradicional da religião. E viajará com arquelogistas para descobrir religiões há muito perdidas dos nossos ancestrais, como nas ruínas de 10.000 anos de Gobekli Tepe, na Turquia. A relação do Homem com Deus é a questão mais importante da história da humanidade. Esta expedição ambiciosa pelas eras e pelo globo procura entender a forma como a fé moldou as nossas vidas, não importando a religião ou crença.


Contando com duas temporadas, sendo a primeira com 6 episódios e a segunda com 3, a série é produzida e apresentada pelo ator Morgan Freeman, que sai em busca dEle, do divino e das perguntas sem respostas que trazemos conosco ao longo da vida, independente de religião ou crença.

Na primeira temporada o próprio ator viaja para cantos remotos do mundo, como templos maias, rio Ganges e Egito, conversando com fiéis, líderes religiosos e cientistas, procurando respostas para questões relacionadas a céu, o inferno, a criação, o apocalipse, milagres, o bem e o mal.


A terceira temporada tem previsão de estréia agora em 2019 na Net Geo, que depois de algumas polêmicas envolvendo o nome do ator deram uma paralisada nas gravações, mas decidiram por manter Freeman a frente do projeto, que devo dizer já possuir a cara dele. Podemos ver isso na segunda temporada, em que as viagens são feitas por pesquisadores do canal National Geographic. Ainda que seja Morgam narrando as partes importantes parece que perdeu um pouco a essência que encontrei na primeira.   



Se a série realmente é capaz de responder alguma coisa eu ainda não sei dizer, mas ela expande a compreensão do espectador em relação ao que acreditamos. Uma série que nos traz culturas, costumes e muita diversidade, mostrando que nesse meio não temos verdades absolutas e que ao mesmo tempo que as religiões e crenças são repletas de semelhanças elas possuem diferenças assustadoras. 


As duas primeiras temporadas de A História de Deus estão disponíveis na Netflix.


23 comentários:

  1. Olá!

    Deve ser há série! Ainda não sabia da existência dela, mas uma série que junta culturas e costumes deve ser bem interessante, ótima dica.

    ResponderExcluir
  2. Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh! Que lindo!!!!! Não sabia desta série. Que indicação maravilhosa. Se fosse só ele falando e tudo mais até iria dizer ok, mas se ele vai viajar por lugares para falar sobre eu com certeza vou querer dar uma olhada. Nossa, que legal!

    ResponderExcluir
  3. Gente, como assim eu ainda não conhecia essa série?
    Amo o Morgan, ele é um ator excepcional.
    Eu vou por a série na minha lista, amo séries/filmes que mostrem culturas, religiões diferentes.
    Parabéns pela resenha, muito bem elaborada.

    ResponderExcluir
  4. Wow. Essa eu não conhecia e já fiquei bem curiosa e ansiosa por conferir.
    Estava procurando algo assim e sua dica veio a calhar.
    Depois eu conto o que achei.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Não conhecia a série, mas fiquei bem curiosa, afinal, por mais que trate de religião, não deixa de ser algo cultural. Pelo que vejo fez sucesso grande pois 3 temporadas é para poucos atualmente. Dica anotada!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá

    Não sabia da existência dessa série e parece uma viagem pela história.
    Adoro o Freeman, mas ele anda sendo envolvido em diversas polêmicas e acusações e espero que ele seja punido, caso seja culpado.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oiee!

    Eu já tinha ouvido falar dessa série, mas não sabia exatamente o que era.
    Me interessei bastante, vou procurar saber mais.

    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oiee, não conhecia o programa, achei interessantissimo.
    Gosto muito do Morgan Freeman, vou procurar pra assistir.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi, Camila. Se tem uma coisa que eu gosto ver é documentário e ainda mais os que me trazem um olhar mais amplo sobre outras culturas. Eu ainda não conhecia esse e achei muito interessante. Adorei a tua postagem e gostei da dica.

    ResponderExcluir
  10. Olá Camila, tudo bem? Eu já sabia da existência dessa série e, até comecei a assistir alguns capítulos mas, como minha vida estava muito corrido ano passado acabei esquecendo dela de vez! Estou feliz de ter lido sua resenha porque, pretendo voltar a assisti-lá novamente e, dessa vez quero ir até o fim e, saber que é tão boa assim, me deixa ainda mais empolgada.

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir
  11. Oi Cami, eu não conhecia essa série e acho que a intenção é justamente essa, né? Mostrar as mais diversas culturas e como Deus pode ser algo bastante plural, em todos os sentidos. Já anotei a dica e espero ter um tempinho pra ver, é tão curtinha e tenho certeza que vai valer a pena.

    ResponderExcluir
  12. Olá!

    Não sei se eu teria muita paciência para essa série, por mais que tenha um assunto interessante e seja bom ver diversos pontos de vista sobre um assunto, inclusive quando não seja algo que conversa muito comigo, mas chega uma época da vida que o tempo fica complicado e eu tenho selecionado muito o que quero assistir.
    Mas o post tá ótimo e é uma boa dica de um modo geral :D

    Bjus, Mirian (Castelo do imaginário)

    ResponderExcluir
  13. Olá Camila!
    Nossa realmente, quando vi que era um documentário apresentado por Morgan Freeman já pensei: Isso é mesmo a cara nele! Nos cinemas ele já interpretou diversas vezes "Deus" então fico imaginando que deve ser mesmo um ótimo documentário e necessário, já que como você disse, traz essa reflexão que muita gente precisa de que religião nenhuma é 100% certa ou a unica reconhecida por Deus.

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Parece ser uma série incrível e com uma gama de temas enriquecedores sobre os países, as culturas do povo e claro, religiosamente também. Sem dúvidas reflexivo e já vou salvar a dica para assistir.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  15. Eu amo Morgan Freeman, mas este é um trabalho dele que não pretendo conferir porque sou ateia e acho uma tremenda perda de tempo (além de oportunista), uma série com essa premissa.
    beijos

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bem Camila?
    Eu já assisti alguns episódios dessa série/documentário e o pouco que assisti eu gostei muito, é rica em informação, detalhes e conhecemos a cultura alheia. Eu acredito que é uma boa oportunidade de reflexão e enriquecermos ainda mais nossos conhecimentos.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bem??

    Eu jantinha visto esse documentário e até estava com vontade de ver, mas não encontrava tempo para assistir. Parece ser muito interessante e acho que fica ainda melhor com a narração do Morgan Freeman. Vou Conferir depois.

    ResponderExcluir
  18. Amo de paixão o Morgan e não sabia da existência dessa série. Meus olhinhos chegaram a brilhar quando eu vi que ela estava disponivel na Netflix, já adicionei na minha lista e vou assistir em breve.

    ResponderExcluir
  19. Não conhecia a série, e como eu adoro o ator e fiquei interessada por ter outras culturas e costumes fiquei muito empolgada para conferir!
    beijos

    ResponderExcluir
  20. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia essa série e confesso que fiquei bem curiosa, porque embora não seja religiosa, eu acho religião um tempo bem interessante e imagino que acompanhar essa série deva ser bem bacana, por conta da diversidade a gente deve refletir bastante sobre tudo. Enfim, gostei de você ter avisado que tem na Netflix, acho que vou ver.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia essa série e confesso que fiquei bem curiosa, porque embora não seja religiosa, eu acho religião um tema bem interessante e imagino que acompanhar essa série deva ser bem bacana, por conta da diversidade a gente deve refletir bastante sobre tudo. Enfim, gostei de você ter avisado que tem na Netflix, acho que vou ver.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Nossa, muito interessante, principalmente por mostrar que não há verdades absolutas. Eu acredito que devemos respeitar todas as crenças e religiões, apesar de eu não ser uma pessoa religiosa. Outra coisa, eu sou muito fã do Morgan Freeman e acho ele uma excelente pessoa, que com certeza parece ter se encaixado muito bem na série. Vou anotar pra assistir!

    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  23. Olá Camila!!!
    Eu acho que já havia visto algo sobre esse documentário através de um amigo meu, mas não me chamou a atenção na época. Assim, eu acho que cada um tem sua crença e acredita naquilo que realmente lhe convém. Assim, no momento eu ando distância das minha raízes mas continuo a crer em determinadas coisas porém passei a questionar mais acerca de algumas coisas.
    O Morgan Freeman é um excelente ator e acho que a escolha do mesmo foi bacana para a série, principalmente que se bem me lembro ele interpretou Deus em "O Todo Poderoso" rsrsrsrs

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem vindo!
Comente, opine, se expresse! Este espaço é seu.