O FIM.


Infelizmente  tudo na vida tem um fim, inclusive coisas boas, queira nós ou não. E essa semana a notícia que tem entristecido muitos leitores é o fim dos famosos romances de banca da Harlequin.

Me lembro que eu lia esses livros na adolescência, por volta dos 15,16 anos e pega emprestado de uma colega que colecionava os exemplares. Como eram livros "impróprios" para minha idade eu os lia escondido e eles acabaram sendo a pavimentação do meu caminho para a leitura.

Mediante a notícia do fim dessas vendas de banca eu fui pesquisar como tudo isso surgiu e encontrei nos sites Ambrosia e Livro e Opinião um artigo legal falando sobre esse sucesso atemporal.


Entre 1940 e 1960, um tipo de romance popular começou a ser traduzido pela Companhia Editora Nacional e formou a conhecida coleção Biblioteca das moças, com cerca de 170 títulos. Essa coleção deu origem ao gênero que conhecemos atualmente como romance de banca. O romance de banca virou sucesso no Brasil na década de 70 pela pioneira Editora Nova Cultural e pela Harlequin.

As editoras lançaram séries de livros, as mais famosas são as séries Sabrina, Bianca e Julia, sendo cada série voltada para uma temática: Sabrina são histórias atuais, tem protagonistas independentes e muito drama; Bianca possui protagonistas sonhadoras, tem histórias situadas no passado e muito floreio; já Julia são as histórias mais picantes e com muitas cenas calientes.

Esse tipo de literatura, diga-se de passagem barata, revelou grandes nomes da literatura internacional, entre eles temos a minha diva suprema, Nora Roberts, ela é uma escritora que migrou do romance de banca direto para os best-sellers, com mais de 160 livros publicados (!!) e traduzidos para mais de 25 idiomas.

Claro que para época os livros eram visto com ousadia, a começar pelas capas, e isso foi uma revolução para as leitoras do país e claro que aos jornaleiros, pois as tiragens desses romances chegavam a atingir 600 mil exemplares por mês.

Enfim, são quase cinquenta anos de sucesso, repleto de beijos, sonhos e lágrimas dessas personagens, mas também são cinquenta anos de finais felizes, que para banca de jornais se encerra por aqui e para os leitores e fãs só resta os e-book.
Sentiremos saudades.


29 comentários:

  1. Olá...
    Meu Deus do Céu!!!! Ainda não estava sabendo dessa triste novidade!!! Tenho uma amiga que tem uma coleção enooorme desses livros e com certeza ela vai ficar arrasada :(
    É muito triste receber essa notícia, pois, assim como você, na minha adolescência lia muito livros da modalidade.
    Bjos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ola
    Triste mesmo, minha mãe sempre leu esses livros e tem um monte. Mas tenho certeza de que ainda vamos encontrar muitos desses livro em sebos, ou em troca de livros. Minha mãe sempre troca no sebo da minha cidade e amooooo ler. São livro curtinhos, e com histórias lindas.
    Amo demais.
    Bjus

    ResponderExcluir
  3. Nice entry, I'm here for the first time and maybe I will stay longer!

    https://clicknorder.pk online shopping in pakistan

    ResponderExcluir
  4. Oi Camila.

    Também fiquei triste com a notícia, porque eu tenho alguns livros quando eu comprava numa banca aqui perto de casa. Depois que ela fechou eu para de comprar. Isso tem muito tempo. A gente que está no mundo literário, sabemos que a distribuição de livros no Brasil é péssima e aquele hábito dos brasileiros de ir numa banca de revista é cada vez mais difícil. Quase tudo está digital, noticias, revista e livros. Provavelmente a editora deve ter mais lucros pela internet. Vamos desejar sucesso para editora.

    Bjos
    https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ah gente, que triste isso! Eu amo esses romances da Halerquin, estou muito triste com a noticia agora :(
    Mas pelo menos vamos ter acesso aos e-books, não é? Melhor que nada..
    bjs

    https://porvarioslugares.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Camila, que notícia triste para os amantes deste tipo de leitura, eu lembro de sempre ver estes livros em tamanho menores, mas como as capas sempre sugeriam um conteúdo mais adulto, nunca comprei. Prevejo um aumento de preço deles nos sebos.
    Bjos
    Vivi
    http://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Camila!
    Não sou o tipo de púbico da Halerquin, mas sei que os romances de banca deles era um dos maiores sucessos da editora e imagino como os leitores devem estar tristes, mas entendo eles, pois hoje a quantidade de leitores que vão em bancas deve ser bem menor.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Nossa,
    estranho que mesmo sem nunca ter lido, eu senti uma certa tristeza ao saber que acabou.
    Mas tudo acaba, não é? Ainda bem que estamos na era do ebook.
    Abraço, Karen Andrade, blog Capítulo 1

    ResponderExcluir
  9. Oi Camila, que texto lindo!! Nossa fiquei até emocionada porque eu amo esses romances de banca da Harlequin, amo Sabrina, Bianca, Julia, me acompanharam tanto nas minhas noites de insônia. É difícil dar adeus a eles, o que me conforma ao menos é podemos ler os ebooks.... mas nunca vou conseguir terminar minha coleção Diana Palmer...


    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. Poxa, que notícia piegas mesmo. Apesar de jamais ter colecionado tais romances não dá para ficar feliz com isso. Toda adolescente adorava ler esses romances e tinha uma amiga que os colecionava; bons tempos. Mas é como você disss né, coisas boas chegam ao fim. Ainda bem que noa restará os e-books como consolo. E adorei sua pequena aula de história. Bexus :*

    ResponderExcluir
  11. Olá!! :)

    Eu confesso que não lia estes livro da Harlequim, porque não sou grande fa do estilo de livro... De qualquer das formas, a noticia e uma pena para muitos leitores...

    Realmente, como disseste, tudo tem o seu fim..!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem? Vi essa notícia, e infelizmente não curti :/ Realmente é o fim de um ciclo enorme, e que quem gostava vai sentir saudades. Eu não fui da época em pegar livros de banca, mas sei o quanto foi importante para um dos gêneros que amo explodir (romances de época). O que nos resta é desejar sucesso para eles agora nas livrarias.
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Nunca fui de ler romance de banca, mais por falta de oportunidade mesmo, mas acredito que para quem é fã é uma triste notícia. :/
    O bom é que eles vao continuar com o físico, mesmo que em outro formato.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    É uma notícia bem triste pra quem lia os livros. Eu, particularmente, não conhecia esses livros e nao tenho o costume de comprar em bancas.

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Eu vi sobre esse anuncio da Harlequin. Acho que até entendo pelo fato deles estarem dando uma nova cara as edições que levam o selo, mas para nós leitores dos famosos romances de banca, sem dúvidas deixará saudades.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bem?

    Eu nunca acompanhei os famosos romances de banca, mas na única vez que tentei comprá-los, achei a edição bem "porca", papel ruim e letras horríveis para se ler. Então acho que se é pra ter uma edição mais bonita, pelo preço mais ou menos equivalente (eu ia pagar 20 reais por algo bem ruim), tá valendo. Mas vamos ver o que a Harlequin nos dirá!

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bem?

    Apesar de eu não curtir romances, essa é uma triste notícia, pois acredito que tinha um público alvo bom, conheço algumas pessoas que amam esses romances de banca. Tomara que possa voltar algum dia, na torcida para a Harlequin!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  18. Oi, Camila. Há anos que não leio um romance de banca, eu costumava ler bastante e com o tempo fui comprando menos, mas ainda compro edições de bolso em livrarias e lojas virtuais. É realmente uma notícia triste, mas acho que isso vai ser para melhor, acredito que vão melhorar a qualidade.

    ResponderExcluir
  19. Oii tudo bem??

    Uma pena pra quem faz coleção. Não sou muito fã desse tipo de romances, e confesso que nunca li.
    As pessoas que procuram leitura hoje procuram de outras formas, diferentes das de antigamente, então as coisas tem que mudar e se adaptar.
    A própria Harlequin está modificando bastante.
    Uma pena, mas ainda acho que pra melhor.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  20. Oii, tudo bem?
    Mulher, acredita que eu nunca li um romance de banca? hahahaha
    Nâo me chamam atenção... Mas é uma pena para quem gosta!

    ResponderExcluir
  21. Uma pena o fim dos romances de banca da editora, até aqui na minha cidade que é quase no fim do mundo, apareciam alguns desses livros. Eles certamente marcaram uma época.

    ResponderExcluir
  22. Eu fiquei besta quando a noticia foi dada pela editora e ainda não entendi realmente a necessidade. O preço era popular, acessível a muita gente, então, realmente isso me entristeceu demais.
    beijos

    ResponderExcluir
  23. Eu fiquei arrasada quando soube. Destroçada. Comecei pelos livros de banca... o meu primeiro foi um Sabrina, o livro De Encontro com o Amor. Lembro que estava na minha adolescência, no início dela, e nunca tinha lido um romance. Só mitologia. Aí quando comprei esse livro e decidi arriscar a leitura tudo mudou. Por completo. Eu passei a querer mais livros do gênero e foi o que abriu minha mente para a leitura. Tenho uma coleção enorme de livros de banca. Eles seguem fazendo parte da minha vida. Saber que não os encontrarei mais... que provavelmente muitas das minhas autoras queridas não atingirão as bancas é deprimente. Me deixa pra baixo. :(

    ResponderExcluir
  24. Oi Cams! É mesmo muito triste que as edições de banca acabem! Como você também comecei lendo esse romances, muitas vezes escondidos, por causa das tramas avançadas demais demais pra minha idade, e fico muito triste. Além de serem muito fáceis de adquirir, abriu a porta da literatura pra muita gente, é realmente uma perda.. Ainda tenho muitos exemplares de diversas coleções, alguns herança e doações que vou guardar com muito carinho..



    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  25. Mulher, que susto eu tomei achando que você estava acabando o blog.
    Essa notícia da Harlequin foi triste demais. Quem nunca leu um Bianca ou Sabrina escondido dos pais? hahhahahah
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  26. Oi!

    Realmente é uma pena. Eu não cheguei a acompanhar os romances de banca, li pouquissimos, mas minha mãe lia bastante.. Muita gente começou no mundo da leitura através deles. É realmente uma pena. O pessoal que já tem vai fazer deles uma relíquia haha

    beijos

    ResponderExcluir
  27. Olá!
    Acredita que nunca li um romance de banca? Quando iniciei a minha vida de leitora, ficava super curiosa com esses livros de banca, mas nunca que encontrava nas bancas aqui, e sempre fui adiando a compra. Uma pena que tenha chegado ao fim, mas a editora é babado e vem arrasando nas novas edições, está lindo o trabalho da Harlequin.

    beijos!
    https://blogminhaestanteliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  28. Olá! Tudo bom?

    Eu fiquei bem triste com esta noticia pois sou uma grande fã dos romances de banca da Harlequin, sempre eram leituras prazerosas e adorava o fato de descobrir novo autores. Nunca me decepcionei com nenhum destes livros, tanto que relia vários deles diversas vezes, principalmente quando buscava algo rápido e fluído para passar o tempo. Mas a Harlequin sempre arrasa em suas escolhas então sei que vão continuar nos proporcionando livros maravilhosos ♥

    Um beijo

    ResponderExcluir
  29. Que pena, realmente uma notícia triste, eu li muitos romances de banca na adolescência, lembro-me que devorava em um dia e depois tornava a ler o mesmo livro. Hoje não é um estilo que me apetece, porém, é algo que marcou minha memória afetiva.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem vindo!
Comente, opine, se expresse! Este espaço é seu.